10 de junho de 2008

Maçonaria: Trevas ou Luz? (Parte 1)

 

A Maçonaria é um assunto sobre o qual praticamente todas as pessoas gostariam de ler, mas sobre o qual pouquíssimas têm a coragem de escrever e comentar abertamente. Um misto de ver­dade e mitos sobre a Maçonaria tem feito surgir grande inquieta­ção entre os não-maçons. Algo como uma presença temficante permeia a alma do não-maçom que se aventura a estudar e questi­onar a Maçonaria.

Apesar de tudo isso, tomei a decisão de escrever este capítulo sobre a Maçonaria, e o fiz partindo de dois princípios: 1) Se a Maçonaria arroga a si o direito e o poder de impor medo às pesso­as, não merece o respeito dos não-maçons, e 2) se a Maçonaria busca o respeito dos não-maçons, então não tenho por que temê-la. Nada mais lógico, não acha?

Abordarei a Maçonaria estritamente do ponto de vista das Escrituras, e à luz da questão da legitimidade ou não do cristão filiar-se a essa entidade.

I. O QUE É A MAÇONARIA?

A Maçonaria é uma sociedade secreta e ritualística, incluindo em sua filosofia a auto-salvação do homem. É paga quando anali­sada à luz das Escrituras Sagradas. Ainda que não seja uma igreja como conhecemos, constitui-se num movimento religioso e sincretista.

1.1. Resumo Histórico da Maçonaria

Alguns historiadores afirmam provir a Maçonaria dos antigos mistérios pagãos religiosos do velho Egito e da antiga Grécia. Outros admitem que ela tenha se originado por ocasião da cons­trução do templo de Jerusalém, no reinado de Salomão, rei dos israelitas (1082-975 a.C), e apontam como fundador, Hiram Abif, suposta arquiteto do citado templo.

A maioria dos escritores maçons, porém, é de opinião que a Maçonaria deve sua origem e existência a uma confraria de pe­dreiros, criada por Numa, em 715 a.C, que viajava pela Europa e mais tarde construiu basílicas. Com o passar dos tempos, porém, essa sociedade perdeu o seu caráter primitivo e muitas pessoas estranhas à arquitetura nela foram admitidas.

1.2. SÍMBOLOS DA MAÇONARIA

Apesar da aceitação de pessoas estranhas à arquitetura na Maçonaria, instrumentos da arte de construir foram conservados como símbolos, dentro da entidade. Entre os instrumentos da simbologia maçônica, destacam-se: o compasso, a régua, o esqua­dro, o nível, o prumo, o escopo, o malhete, a alavanca e tantos outros usados pelos mestres da arquitetura.

O esquadro significa a necessidade de o maçom afastar-se de tudo aquilo cujo nível esteja em desacordo com a Sabedoria, Força e Beleza, palavras de grande significado dentro do vocabulário maçônico. Ele significa, outrossim, que o maçom deve regular a sua conduta e ações, sobretudo como tributo ao supremo Grande Arquiteto do Universo, que os maçons dizem ser Deus.

A Maçonaria atribui as suas origens aos antigos ritos da Babilônia

O nível ensina que todos os maçons são da mesma origem, ramos de um só tronco e participantes da mesma essência.

O prumo é o critério da retidão moral e da verdade, que ensi­na o maçom a marchar, desviando-se da inveja, da perversidade e da injustiça.

Segundo a orientação maçônica, todos os maçons têm o dever de ensinar e praticar essas virtudes, e outras mais, conforme a ori­entação dos mestres da Maçonaria.

1.3. A Trilogia Maçônica

Sabedoria, Força e Beleza são três palavras de efeito cabalístico no vocabulário maçônico. Formam como que uma tríplice virtu­de. Segundo esta trilogia, o maçom precisa levar em consideração a Sabedoria, para conduzi-lo em seus projetos; a Força, para sustentá-lo em suas dificuldades; e a Beleza, para revelar a delica­deza dos sentimentos nobres e fraternais do verdadeiro maçom.

1.4. Objetivos da Maçonaria

A Maçonaria alega ter como objetivo a busca da Verdade, o estudo da Moral e da Solidariedade Fraternal. Diz trabalhar para o aperfeiçoamento moral, intelectual e social da humanidade, a fim de que os seus componentes sejam mais felizes ou menos sofredo­res, graças a uma maior compreensão mútua, pela prática constan­te da Fraternidade.

Tem por princípio a tolerância e o respeito recíprocos, sem impor dogmas ou exigir subserviência espiritual, concedendo aos seus adeptos amplo direito de pensar e discutir livremente. Con­sidera as concepções metafísicas como sendo de domínio exclu­sivo da apreciação individual dos seus membros, não admitindo afirmações dogmáticas que não possam ser debatidas racional­mente.

Tem por divisa "Liberdade", "Igualdade" e "Fraternidade", e por lema "Justiça" — "Verdade" e "Trabalho". Os seus compo­nentes devem esforçar-se para se aprimorarem espiritualmente, devotando-se à prática do bem, sem ostentação; não por vaidade, e sim como imperioso dever de solidariedade humana. Auxiliar o próximo não é um favor e sim o cumprimento de um dever. O maçom trai o seu juramento quando perde uma oportunidade de praticar o bem. O que para muitos "profanos" é um ato meritório, para o maçom é um dever imperioso, sagrado.

A Maçonaria considera seu principal dever estender a toda a humanidade os laços fraternais que unem os maçons dos diversos ritos dispersos pela superfície do Globo. Recomenda aos seus adep­tos a propaganda pela palavra oral, pela escrita e pelo exemplo de seus ensinamentos, sem distinção de raça, nacionalidade ou reli­gião. O essencial é que o homem creia; que acredite em um Ser Supremo. Se o indivíduo é ateu, é um descrente; cumpre ao maçom mostrar-lhe o caminho da crença, fazer-lhe ver que não podemos viver sem ter confiança, sem acreditar em um Ser Supremo, Deus, um Deus bondoso, perfeito, justiceiro, que sabe perdoar.

Os maçons têm por dever, em todas as circunstâncias da vida, ajudar, esclarecer e proteger os seus irmãos, defendendo-os contra as injustiças dos homens. Embora haja vários ritos na Maçonaria, um maçom deve tratar fraternalmente outro maçom como irmãos que são, sem procurar inteirar-se do seu rito, ou da obediência a que pertence. Considera o trabalho como um dos deveres essenci­ais do homem honrado, tanto o manual como o intelectual.

II. INICIAÇÃO MAÇÔNICA

Não é maçom quem quer e sim quem pode ser.

"O maçom é obrigado por seu caráter a obedecer à lei moral e, se devidamente compreende a Arte, não será jamais um estúpido ateu nem um libertino religioso. Embora nos tempos antigos os

maçons fossem obrigados a pertencer à religião dominante no seu país, qualquer que fosse ela, considera-se hoje muito mais conve­niente obrigá-los a professar apenas a religião que todo homem aceita, deixando cada um livre em suas opiniões individuais, isto é, devem ser homens probos e retos, de honra e honradez, qual­quer que seja o credo ou denominação que os distinga." (Da Cons­tituição de 1723, feita por Anderson.)

2.1. O Candidato a Maçom

No seu livro O Que E a Maçonaria, diz A. Tenório d'Albuquerque: "A Maçonaria só deve admitir em seu seio quem é livre e de bons costumes, quem dispõe de recursos financeiros e tem qualidades morais consideráveis e um grau de instrução que lhe permita compreender, interpretar as belezas incomparáveis que a Maçonaria apresenta, os seus elevados fins humanitários e o seu simbolismo."

2.2. A Proposta de Filiação

O candidato, em linguagem maçônica denominado profano, assina uma proposta de filiação à Maçonaria. O proponente é o padrinho.

Na proposta, o profano é obrigado a declarar quanto ganha mensalmente, nome, profissão, estado civil, grau de instrução, re­sidência, procedência, etc. Haverá casos em que será exigida a apresentação de atestado de bons antecedentes fornecido pela au­toridade competente.

Recebida a proposta, três maçons são indicados, pelo Venerá-vel (Presidente) da Loja, para fazer sindicância em torno da vida do profano. Essas indicações devem ser feitas sigilosamente e sem que um saiba quais os outros indicados. Cada um recebe uma fo­lha de sindicância, já impressa, com um questionário sobre a vida do profano. A sindicância deve ser feita com o maior rigor possí­vel, investigando-se os antecedentes do candidato, os seus hábitos, se tem vícios, o conceito em que é tido na sociedade, o seu grau de instrução, se tem algum defeito físico incompatível com a Maçonaria.

É um meio de selecionar os elementos, de não permitir o in­gresso na Maçonaria de pessoas destituídas de condições impres­cindíveis.

Como se vê, não é maçom quem deseja e sim quem pode ser, isto é, quem dispõe de certa soma de requisitos morais, intelectu­ais e financeiros.

29 comentários:

  1. Lembrando que,para iniciar na Maçonaria o indivíduo deverá manifestar interesse para que seja convidado e se aprovado,ingressar na Ordem.

    Obrigado e boa sorte

    ResponderExcluir
  2. Não gosto desse negócio de maçonaria ,creio no meu JESUS.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. e isso ai meu vei ele e o caminho e a salvação o unico caminho

      Excluir
    2. Crer em Jesus não é contra a maçonaria, ao contrário, Jesus pregou a fraternidade e amor ao próximo. Maçonaria não é religião! Não é um caminho de salvação. È uma associação pelo bem comum da sociedade. o povo criou mitos e mitos sobre isso e relaciona com religião, nada a ver.

      Excluir
  3. Ser Bodão, nem pensar...

    ResponderExcluir
  4. Todos são prepotentes, conheço uma pessoa que é maçon e gosta muito de humilhar e substimar os outros. E isso faz com que essa classe seja muito mal vista em nossa sociedade.

    ResponderExcluir
  5. Ridículo... maçonaria não é seita, é uma associação. Não ficam dentro de uma merda de um "templo" simplesmente rezando o dia e a noite toda, pensando que Deus os acudirá de seus males. Eles acima de tudo se reunem e agem. Agradeça todos os dias de sua vida pela maçonaria... porque é a maçonaria que impede que esse país caia na lama todos os dias... é a maçonaria que impede que um dia a guerra acabe com o nosso país. Não é a crença de alguém que o leva ao paraíso, e sim as ações. É mais fácil ver um maçom agir do que um cristão, sendo bem sincero, e olhe que sou cristão também. Não precisam ter medo... nenhum bicho papão ou "capanga" os pegará após postar algo sobre maçonaria. Mas maçonaria, definitivamente, não é um movimento ritualistico.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Lendo isso vindo de um maçom me deixa mais tranquilo estudo vcs muito pq tenho muita vontade de ingressar na maçonaria mas tenho medo de estar vendendo minha alma entende?
      Mito esclarecedora suas palavras obrigado
      f_martinatto2009@hotmail.com

      Excluir
    2. Ótimo, adorei seu comentário! o povo cria mitos e associações ridículas com a maçonaria. Sem falar que associam com religião. Equívoco absurdo.

      Excluir
    3. Maçonaria é satanismo puro disfarçado.

      Excluir
  6. O SEU JESUS É O MESMO DE TODOS.

    ResponderExcluir
  7. MAÇONARIA NÃO É NEGÓCIO.

    E O SEU JESUS É O MESMO DE TODOS.

    ResponderExcluir
  8. Nunca vi tanta bobeira escrita ... Maçonaria vai além disso, seu texto é muito ruim...
    pesquise melhor!

    ResponderExcluir
  9. se vc ñ gosta..então porq pesquisa!?

    ResponderExcluir
  10. e quem disse a vc que maçom nao crê em deus ???
    Parabéns pelo trabalho!!!

    ResponderExcluir
  11. A maçonaria nada mais é que A nova ordem Mundial..

    Objetivo:unificação da moeda, diminuição da população e um só governante

    Tbm Pesquisem sobre o (Mondex)

    ResponderExcluir
  12. que merda essa massonaria ,quando um macom responde, entra como anonimo ,porque se escondem ,porque nao mostram quem sao ,vivem nas cidades se fazendo de bons mais se perguntados por alguem se sao macons nao tem coragem de dizer que sao .vcs tem vergonha de seres restos da sociedade ,vcs sao uns nada .e se alguem responder isso .duvido que coloque seu nome cidade e vila onde moram sao covardes kakakakak manes satanicos

    ResponderExcluir
  13. Como diria o rei Salomão em seis cantares: BOBAGEM DAS BOBAGENS, TUDO É BOBAGEM. O autor desse famigerado "estudo" só fala em "a maçonaria alega". Ora, a maçonaria não alega nada, ela faz. Não fosse a maçonaria, a Independência do Brasil não teria ido adiante (a igreja nada fez); não fosse a maçonaria, os escravos não teriam sido abolidos (a igreja nada fez); Em 22 anos de maçonaria, NUNCA ouvi falar que a maçonaria prega a salvação, seja por meio de obras ou crença em algum Ser Supremo. A maçonaria exige que um candidato acredite num Ser Supremo, agora, não está interessada que nome Ele leva ou que meios é feito para se chegar a salvação do espírito. O maçom pode ser cristão, mas nem todo cristão pode ser maçom. Para ser maçom precisa, primeiro de tudo, respeitar a crença, a filosofia, a cor, a posição social etc. das pessoas. Coisa que os cristãos não aprenderam a fazer. O fundamentalismo religioso é tanto que cega. Falam de maçonaria por causa de ritualística. O cristianismo tem um ritualística canibal: "ESSE É O MEU CORPO, TOMAI E COMEI. ESSE É O MEU SANGUE, TOMAI E BEBEI". Ninguém critica isso. Comer o corpo de uma pessoa e beber seu sangue é coisa de zumbi e vampiros.
    "Ah! É a doutrina cristã, isso é simbólico". Não diga! A maçonaria é puramente simbologia.
    "A maçonaria ´cabalística!". Ó, não diga! E o judaísmo tem suas origens aonde? NA CABALA. Vá estudar mais, caro blogueiro de meia tigeja e, não saia publicando sensacionalismo vão. Vá por todo mundo e, pregue as boas novas de salvação a toda criatura. Deixa a maçonaria tratar de coisas mais importantes como libertar os seres humanos da superstição, da ignorância, da intolerância religiosa.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Canibalismo? Que burro! Dá zero pra ele.

      Excluir
  14. Maçonaria e Trevas sim ,tenho um avÔ maçom que chegou ao ultimo grau o tal 33 grão Mestre ,e eu sei o que essa porcaria fez com a minha família ,isso e totalmente espiritual ,Ritual de Magia Negra ,sou cristã creio em JESUS aquele que morreu na Cruz e Ressuscitou e está vivo e hoje se o homem quiser ter essa intimidade com o DEUS e so ele buscar em oração e pela palavra de DEUS ,que DEUS se revela ,DEUS não faz acepção de Pessoas......

    ResponderExcluir
  15. Só JESUS é o caminho a verdade é a vida ,so ele pode dar Salvação ao Homem ,que mané Maçonaria rsrsrs,Reuniões Secretas ,aonde nem o Marido Maçom não pode falar nada ,para a esposa,o que é isso...rs Abre o Olho pessoal ,nem aceitem qualquer coisa que é imposta ,hoje o que as pessoas querem e Status ,E essa Maçonaria passa isso ,as pessoas perderam seus valores ,e tem se vendido por qualquer coisa que tem sido oferecida para elevar sua aparência ,as pessoas querem ser ,so isso ,não se importam com as consequências ,se esquecem que são mortais ,e que um dia DEUS a todos julgaráaaa a todosssss

    ResponderExcluir
  16. Postei 2 comentários ,não me indentifiquei mais gostaria que fosse colocada a minha experiência ,para que outras pessoas vejam ,não vão colocar???????

    ResponderExcluir
  17. Desculpem a demora na postagem dos comentarios. Com certeza afirmo que as discussões sobre o tema tem sido muito importantes. Agradeço a todos!

    ResponderExcluir
  18. Deus e tao maravilhoso que nao esconde nada da gente e creio que td q e obscuro nao e de Deus, pois Ele nao gosta de mentiras e nem aprova nada que e secreto, se a massonaria fosse algo de Deus porque nao compartilhar com todos ao inves de terem segredos entre os membros maconicos!

    ResponderExcluir
  19. anna beatriz alencar falcão26 de dezembro de 2011 21:07

    ''Bem isso que escrevo serve para todos, não como funciona essa tal religião que se chama marçonaria, entrei nesse blog para ver se conseguiria saber um pouco sobre a mesma.Gostei de ter lido sim! porém quando chegou nos comentarios feitos da minha houve um total espanto pois pra quê tanta agressividade uns com os outros? Acho que cada um pensa de forma diferente e tem opiniões formadas diferentes então não deveriam perder tanto tempo tentando implantar ou mudar a opinião de alguém; se esse alguem não pensa pensa igual a vc ninguém tem cupa....se vc olha para uma pedra e vem uma pessoa dizer que essa pedra é folha não tente mudar sua opinião de pensar, se vc tem tanta certeza de que sua opinião está certa siga em frente e deixe esta pessoa pra lá pois mais adiante quem irá pagar papel de idiota é ela.... essa é minha opinião...

    ResponderExcluir
  20. acho q devemos respeitar todas religiões

    ResponderExcluir
  21. acho que devemos respeitar todas religião

    ResponderExcluir
  22. ainda bem que deus criou o mundo e deu aos macons sabedoria para edifica lo.para equilibrar essa humanidade que anda muito desequilibrada.parabens a familia maconica.anonimo

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita e comentário.
Volte sempre e Deus te abençoe!
Silvia Helena

Related Posts with Thumbnails